7 de junho de 2010

Amizade - Blogagem coletiva - Vida simples

 Amizades são formadas a partir de afinidades pessoais que com um certo tempo de convivência, vão se afunilando e chegando em pontos fortes de ligação entre pessoas. Para atingir esse grau de amizade, muita confiança e fidelidade são depositadas, envolve o conhecimento mútuo e a afeição, além de lealdade ao ponto do altruísmo. Mas também há pessoas que não necessariamente se interessam pelo mesmo tema, mas gostam de partilhar momentos juntos, pela companhia e amizade do outro, mesmo que a atividade não seja a de sua preferência.
Amizade é uma qualidade, uma definição que temos que analisar muito bem antes de denominarmos "amigos". Amigos são raros, únicos e poucos. A amizade pode ter como origem, um instinto de sobrevivência, com a necessidade de proteger e ser protegido por outro.

Já tive ótimas experiências de amizade, principalmente em época de faculdade, onde passei por algumas dificuldades e só as amigas verdadeiras pra poder encarar junto comigo. Estou falando da Lelê e da Patty que nas horas mais difíceis, me deram bronca, me abriram os olhos, foram realmente companheiras (pro que der e vier).
Lelê hoje vive na Itália, casada e com muitos sonhos concretizados e pra concretizar! Está fisicamente longe, mas bem perto de coração. Sempre que achava um tempo nas férias (qdo morava em sampa) vinha passar uns dias aqui em casa. Dávamos muitas gargalhadas sentadas na janela da república, ouvindo músicas bregas e aguardando os bêbados passarem.(mas essa é uma das histórias que passamos juntas, que outra hora conto aqui). Tá bom, tá bom... vou contar. Eis que um dia estávamos sentadas (um domingão) na calçada com metade do portão aberto e escutávamos músicas em um walkman da sony amarelo (na época era o must) e me passa um bêbado e perguntou pra Lê:- "ce qué trocá isso aí pelo que eu tenho aqui?" Mais do que depressa eu entrei atropelando a cabeça dela e tentando chamá-la pra entrar, mas ela continuava dando orelha pra ele: - "mas o que vc tem aí?" dizia ela. Caramba!!! que será que ele tinha lá? kkkk  Acabou por entrarmos e darmos risada do ocorrido. 
Sempre com uma resposta pra tudo, e bem autêntica era ela. Recentemente tivemos uma discussão, onde me senti muito mal e realmente achando que não tínhamos que ter feito aquela tempestade! Mas a história continua e nossos corações são bem grandes.... Bjo Lê!
A Patty. AHHH Patty! Minha eterna companheira! Logo que começamos a facul, nos estranhávamos um pouco (ela era muuuuiiito metida!) até que um dia, passando mal depois de uma festa, onde todos foram embora e só ficamos nos duas de menina, vimos que uma precisava da outra e virei pra ela e disse: - "te achava chata, mas vc é legal!!!!". Começamos nossa amizade aí, descobrimos afinidades, viramos baladeiras e até que fui morar com ela (ela já morava com Lelê e Dani), fomos eu , Rosa e Clau. Formamos a Gailoa!!
Sempre muuuuuiiiiito mal-humorada, mas também muito fiel. Continuamos muito parceiras até mesmo depois da facul apesar dela morar em Americana e eu em Piracicaba. Nos divertimos mesmo. Hoje ela está em Americana, casada, feliz e com a Nina ! Bjo Miga. Valeu!
Apesar do pouco tempo, eu com 3 filhotes e elas com todos os próprios afazeres, continuamos mantendo contato e tentando manter nossos vínculos e afinidades!
Tenho sinceramente mais amigas pra descrever, mas essa época foi muito difícil pra mim, e elas estiveram presentes nos meus piores momentos, onde e quando eu precisei mesmo! Elas estavam lá!
Tive um amigo muito especial, que foi um companheiro bacana logo que terminei o meu primeiro casamento e voltei pra Pira. Por sinal, ele era amigo do Má (maridão) e nos apresentou. Mas infelizmente nos afastamos e eu e meu marido sentimos muita falta daquela amizade.
A simplicidade dessas amizades acho que fica realmente  no desejo de apenas estar junto, com a menor necessidade de existir segundas intenções e outros interesses pra poder conviver. Amigo erra, amigo não é sempre perfeito, erramos todos, aprendemos com os erros. Perdoamos e somos perdoados, ( quando somos amigos, é claro!). O legal mesmo são as semelhanças, ou até as diferenças, onde aprendemos a nos equilibrar, porque se é amizade, vale a pena!

Essa blogagem faz parte da Blogagem coletiva Vida Simples com o subtema Amizade, promovido pela amiga Mila - Mila's Ville


5 comentários:

TATA... disse...

é como vc disse, podemos estar longe fisicamente mas sempre estarão pertinho, no coração...

bjs

Regina Coeli disse...

Boa noite samara,
Falar sobre nossos Amigos é algo muito prazeroso..
Quanta estória bonita você pode evocar e compartilhar conosco.
Mesmo sendo poucos os Amigos verdadeiros são joias preciosas, enternecem nossos corações nos fazem crescer, nos ajudam , alegram nossa exist~encia!
Achei muito bonito seu post.
receba meu abração carinhoso.
Regina Coeli

Em busca de mim disse...

Samara querida,
Também tive um grande amigo que hoje está longe, mas sempre perto do meu coração.
G beijo

Elaine Gaspareto disse...

Querida,
Hoje é o penúltimo dia de inscrição para a promoção Perseguição digital no blog! Você não pode ficar de fora!
Espero você!
Beijosss

Isadora disse...

Oi Samara, tudo bem? Estou participando da blogagem também e vim conhecer o seu espaço e ver o seu post.
Amigos verdadeiros são uma dádiva e fico feliz de ter compartilhado um pouco da sua homenagem as suas amigas.
Um beijo

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...